Capgemini inicia 2016 com crescimento

| Press release
O Grupo Capgemini registrou receita consolidada de € 3.092 bilhões no primeiro trimestre de 2016, aumento de 11,8% em relação ao mesmo período de 2015, e aumento de 13,9% considerando-se câmbio constante. Com a estrutura do Grupo inalterada (principalmente a integração da IGATE, adquirida em 1º de julho de 2015) e câmbio constante, o crescimento orgânico foi de 2,9%.

Para Paul Hermelin, presidente e CEO do Grupo Capgemini: “A taxa de crescimento da Capgemini demonstra bom progresso no ano corrente. A empresa diversificou suas fontes de crescimento por meio do fortalecimento de sua presença global e nossas competências setoriais.

Continua a demanda dos clientes por inovação e transformação digital, impulsionando o avanço de nossas atividades de consultoria e serviços para aplicações. Nossas soluções digitais e de nuvem cresceram 28% no primeiro trimestre.

Além disso, a integração da IGATE, adquirida em 2015 e que já atua com a marca Capgemini desde janeiro de 2016, está progredindo bem, trazendo a possibilidade de nos beneficiarmos de nossas sinergias mais cedo do que previsto.

As soluções inovadoras de plataforma integrada da IGATE (conhecida como ITOPS) registraram um forte crescimento no primeiro trimestre. O setor de serviços financeiros, fortalecido com a aquisição, também contribuiu bastante para o crescimento do Grupo no período, com aumento de 29,7% com câmbio constante e 7,8% organicamente, confirmando a tendência positiva no setor.

Esse forte avanço nos leva a confirmar nossa previsão de crescimento, margem operacional e fluxo de caixa livre para 2016".

 

TENDÊNCIAS POR NEGÓCIO

Todas as divisões do Grupo registraram forte crescimento no primeiro trimestre com a consolidação da IGATE. A divisão de Serviços de Consultoria (4% da receita do Grupo), impulsionada pela demanda por transformação digital, mantém sua trajetória de crescimento, com aumento de 7,4% em relação ao mesmo período de 2015 com câmbio constante. A divisão de Serviços Profissionais Locais (15% da receita do Grupo) registrou aumento da receita na ordem de 11,2% com câmbio constante, impulsionada pelas atividades de engenharia da IGATE. Serviços de Aplicações (59% da receita do Grupo), que cresceu 16,2% com câmbio constante, é um importante motor de crescimento para o Grupo, baseado na forte demanda do mercado por soluções digitais e de nuvem. Outros Serviços Gerenciados (22% da receita do Grupo), após integração da divisão de terceirização de processos de negócio (Business Process Outsourcing – BPO) da IGATE, da plataforma ITOPS e atividades voltadas à infraestrutura, registrou crescimento de 11,2%, considerando-se o câmbio constante.

 

TENDÊNCIAS NAS PRINCIPAIS REGIÕES

A América do Norte reforçou sua posição de maior região da Capgemini, gerando 30% da receita do Grupo e crescimento de 40,1% sobre 2015, com câmbio constante, após integração da IGATE. Com estrutura do Grupo e câmbio inalterados, o crescimento permaneceu forte (+6,9% com a mesma base de comparação1), exceto no setor de Energia & Utilities, no qual registramos forte contração nos últimos 9 meses. A região do Reino Unido e Irlanda, impulsionada por um setor privado em ascensão, com crescimento orgânico de dois dígitos1, registrou avanço de 8,1% da receita, considerando-se o câmbio constante. A França inicia o ano com maior impulso do que em 2015, com aumento da receita em 2,0%, devido às divisões de serviços financeiros, bens de consumo e varejo. No Resto da Europa (que agora inclui Bélgica, Holanda e Luxemburgo), o dinamismo é forte nos principais setores e países maiores, exceto no trio citado anteriormente, gerando crescimento de 6,1% com câmbio constante. Por fim, a região da Ásia-Pacífico e América Latina cresceu 6,4% considerando-se o câmbio constante, com um ambiente econômico que permanece difícil no Brasil, enquanto a região Ásia-Pacífico continua a ser bastante dinâmica.

 

NÚMERO DE FUNCIONÁRIOS

Em 31 de março de 2016, o número de funcionários do Grupo era 182.908. O pessoal alocado no exterior (offshore) totalizou 99.724, 55% do total de funcionários.

 

VENDAS

No 1º trimestre de 2016, as vendas totalizaram € 3.128 bilhões. Isso representa um aumento de 17,6% em relação ao mesmo período de 2015, considerando-se um câmbio constante.

 

PROJEÇÃO PARA 2016

Com base nos resultados do primeiro trimestre, o Grupo prevê crescimento de 7,5% a 9,5% na receita com câmbio constante; margem operacional de 11,1% a 11,3% e fluxo de caixa orgânico livre acima de € 850 milhões.

O Grupo estima um impacto negativo de 2% das flutuações cambiais na receita, principalmente devido à valorização do Euro frente à Libra Esterlina e ao Real.

1 Definição no Apêndice

 

APÊNDICE

 

DEFINIÇÃO

Crescimento orgânico ou crescimento da receita com a mesma base de comparação se refere à taxa de crescimento calculada considerando-se o tamanho do Grupo e câmbio constantes. São usados o tamanho do Grupo e o câmbio do exercício fiscal publicado.

 

DESTAQUES

  • Inauguração do 9º Centro de Inovação do Grupo em São Francisco, centro nervoso da rede global do Applied Innovation Exchange, desenvolvido pela Capgemini para ajudar as empresas a agilizar a integração de inovações tecnológicas.
  • Serviços na Nuvem: Ampliação da parceria com a Amazon Web Services.
  • Assinatura de contrato de três anos com a Secretaria da Fazenda (HMRC) do Reino Unido.
  • Proteção de dados pessoais: Certificação dupla das Normas Corporativas Vinculantes da Capgemini pelo CNIL.
  • Aquisição da oinio, importante parceira de Salesforce na Europa.
  • Aquisição da Fahrenheit 212, empresa de consultoria em estratégias de inovação dos EUA.

 

ISENÇÃO DE RESPONSABILIDADE:

Este press release pode conter previsões. Essas previsões podem incluir projeções, estimativas, premissas e declarações acerca de planos, objetivos, intenções e/ou expectativas em relação aos resultados financeiros, eventos, operações e serviços e desenvolvimento de produtos no futuro, além de declarações sobre o desempenho ou eventos futuros. As previsões geralmente incluem palavras como “esperamos”, “prevemos”, “acreditamos”, “intencionamos”, “estimamos”, “planejamos”, “projetamos”, “podemos”, “poderíamos”, “deveríamos” ou o oposto desses termos e expressões semelhantes. A diretoria da Cap Gemini acredita que, no momento, essas expectativas expressas nessas previsões sejam razoáveis, mas, mesmo assim, os investidores são alertados de que as previsões estão sujeitas a vários riscos e incertezas (inclusive, sem limitação, os riscos descritos no Documento de Registro da Cap Gemini, disponível no website da empresa), pois estão relacionadas a eventos futuros e dependem de circunstâncias futuras que podem ou não ocorrer e podem diferir do previsto, sendo muitas dessas circunstâncias difíceis de prever  e estando elas além do controle da Cap Gemini. Os resultados e acontecimentos reais podem diferir substancialmente daqueles expressos, implícitos ou projetados nas previsões. Tais previsões não se destinam a oferecer, e de fato não oferecem, nenhuma garantia ou conforto quanto a eventos e resultados futuros. A Cap Gemini não assume nenhuma obrigação quanto à atualização e revisão de nenhuma previsão, além do limite exigido por lei. Este press release não contém nem constitui uma oferta de ações e não configura um convite ou estímulo para que se invista em ações na França, Estados Unidos ou outras regiões.